1 de jun de 2009




Fazia tempo que não me sentia assim, tão bem, tão feliz e tão viva.
Comecei o dia sem um pingo de vontade de levantar da cama, mas valeu a pena subir naquela moto só pra chegar mais cedo e receber o abraço mais sincero dos últimos dias. Valeu a pena sentar na cama do quarto rosa e dar muita risada das nossas desventuras, de ver que somos parecidas até nos problemas e nas besteiras que fazemos. Valeu a pena descer aquela escada, morrendo de medo de cair e receber o segundo abraço mais sincero do dia, ouvir ele tocando Dandara (ainda que não tenha sido toda.) e Boa Noite (ainda que ele tocasse a versão de Djavan, enquanto eu cantava a de Luciana Mello). Valeu a pena as fotos, as caretas e o terceira abraço mais sincero do dia (aliás, há diiiias que eu tava com saudade desse abraço...), as risadas, os comentários (des)agradáveis, o colo, os beijos e aquela mão segurando a minha. Valeu a pena esperar o carro no ponto, sair correndo pela rua pra chegar logo em casa pq eu só tinha dez minutos até sair o ultimo ônibus, pedir a minha tia pra me levar na rodoviária e viajar em um ônibus lotado com um bêbado reclamando que tinha que viajar em pé, que tava na mira e que ia pra Bocão. E o que eu fiz? dei muita risada pq nada podia estragar todo o bem que o dia tinha me causado e nada podia apagar a alegria que vocês me deram.





Amo vocês! =D

5 comentários:

Dii Bijou disse...

- A tarde foi totalmente perfeita... vc fez com que tudo ficasse cor de rosa e não só o quarto... estava sentindo muito sua falta.. falta daquele alguem tão parecida comigo, que compreende tão bem minhas desventuras... Te Amo cada dia mais e mais!!!

Rα i sα ~ disse...

Tô com ciúmes de todos eles. Pronto, falei.
Mas eu entendo uma única parte: Boa Noite (ainda que ele tocasse a versão de Djavan, enquanto eu cantava a de Luciana Mello) ... não sofro desse mal sozinha, irmã. E a gente se acompanha naquele luau particular [vou marcar mermo, cara] :D

Te amo.

Jorginho Vilas Bôas disse...

Ele = Eu ^^
Adorei o domingo, que este se repita por muitas vezes!
Ainda tem Teco-teco no próximo!
Adoro você, peste.

Rα i sα ~ disse...

Toque Teco-Teco na minha ausência eu te mato.

Dan Souza disse...

Teco-Teco na ausência dela, ela te mata (me mata, aliás), não vamos arriscar!!!kkkkkkkkkkkk

Quero meus luais de vooooooooooolta!!!