4 de nov de 2012


Hoje eu sonhei com você. Sonhei com seu colo, com seu beijo, sonhei com um carinho seu. Sonhei com aquele carinho que você costumava me fazer, segurando a minha mão por baixo da almofada. Lembrei  de como era divertido fazer tudo escondido. E por mais que todo mundo já tivesse percebido, a gente continuava fingindo. Passeios na praia, desenhos na areia e visitas que ninguém nunca desconfiou. Sinto falta. Sinto falta, mas estaria mentindo se dissesse que quero de volta. Apesar disso eu me arrependo de não ter deixado aquela janela aberta, de não ter deixado você entrar na minha vida de vez, eu achei que não fosse isso o que eu queria. Eu estava enganada. Agora eu já me acostumei a ter você por perto, mesmo que não esteja comigo, me acostumei a ver você feliz, mesmo que eu não seja a causa dessa felicidade. Até porque, não importa o motivo, o que importa é que você está feliz.