15 de nov de 2010

História de amor

Quando eu era mais nova, eu ouvia das pessoas mais velhas as histórias dos grandes amores que tinham vivido ou presenciado e ficava imaginando como seria quando eu encontrasse o meu grande amor. Eu sabia quais qualidades ele deveria ter e por mais romântica que a minha história fosse, ela tinha que ser acima de tudo divertida.
Eu montei a pessoa perfeita, com o caráter perfeito e outras características de personalidade perfeita. E o encontrei.
Eu pensei que bastava encontrar essa pessoa e tudo estava resolvido, não haveriam problemas, nem brigas, mas não é bem assim.
Eu não pensei que haveriam “obstáculos internos”, não achei que ele teria defeitos e que até os meus desapareceriam como passe de mágica, mas eu descobri que toda hstória de amor tem obstáculos, que meus defeitos não vão sumir, nós iremos errar muito e brigar muito, mas aos poucos vamos nos ajustar um ao outro.
Sei que nada vai ser tão fácil, até porque se fosse, seria chato. Além do mais, só quando passamos por dificuldades e conseguimos superá-las é que podemos ter certeza de que existe amor, porque amar sem problemas é fácil, mas ter amor o suficiente para superar esses problemas é bem diferente. E eu tenho amor de sobra.