15 de jul de 2009

"Noiva" em fuga

Uma vez minha mãe comentou que eu pareço com a personagem de Julia Roberts em ‘Noiva em fuga’. Retruquei dizendo que jamais fugiria de Richard Gere, mas parece que ela não se convenceu, então me dei por vencida e respondi:
- Acho que preciso de tênis novos, não dá pra correr direito com esses...
Minha mãe sorriu e isso encerrou o assunto. Pelo menos foi o que eu pensei.
Faz algum tempo que não namoro, quer dizer, um relacionamento mais “sério” e no inicio não me fez muita falta, pelo contrário, era divertido. Mas de uns tempos pra cá as coisas mudaram, sinto vontade de ter alguém do meu lado pra fazer aquelas coisas que os casais sentimentais normalmente fazem, alguém que goste mim e blá, blá, blá....
Decidi que estava na hora de voltar a namorar e fui comunicar o fato a minha mãe esperando que ela desse risada da idéia como todo mundo, mas pra minha surpresa ela disse:
- Já tá na hora de você trocar os tênis por sapatinhos de cristal e ser feliz.
Fiquei olhando meio desconfiada e ela continuou:
- De agora em diante você devia começar a pensar no seu futuro marido, devia pelo menos ficar noiva, que já é uma coisa mais séria [...] eu acho que vocês deviam voltar!
Será que eu estava lendo direito? Mal tinha decidido a voltar a namorar e minha mãe já quer me casar? E que história era essa de “vocês deviam voltar”? Achei que a gente já tinha passado dessa fase, mas pelo visto não.
Ela disse que por mais que não desse certo, que a gente devia voltar, pq se fosse pra acabar, que acabasse de uma vez pra cada um seguir sua vida.
Fiquei ainda mais alarmada. Eu tô seguindo minha vida, não tô? Onde mesmo que minha mãe queria chegar com aquilo?
Depois ela começou a falar de amor, casamento e esse monte de coisas que eu nem lembrei quando decidi namorar de novo. Eu queria uma companhia, não um marido!
Enquanto ela falava passaram várias coisas pela minha cabeça e começou a doer, minha cabeça começou a girar e aquela velha irritação começou a vir de novo. Eu não estava nem um pouco afim de falar naquele assunto. Tentei brincar, mudar de assunto, mas não adiantou muito. Os argumentos que ela usava eram convincentes. Por sorte deu a minha hora de sair do trabalho e eu fui embora, mas aquela conversa não saiu da minha cabeça, pensei em seguir o conselho de minha mãe e calçar os sapatinhos de cristal, mas nunca aprendi a andar de salto(por menores que fossem) e eu me sinto muito mais segura com meus tênis. =D



P.S.: Alguém devia me proibir de ler Stephenie Meyer, ando tão sentimental...rs

14 comentários:

Rα i sα ~ disse...

Eu proíbo. A sentimental sou eu, Édille é que casa e você é você, Daniella.

Dan Souza disse...

Poxa, esaa foi a melhor definição que já fizeram de mim. Eu sou eu e pronto!!!
Mas se você é a sentimental, Édilly é a que casa, sobrou o que pra mim? A fria desalmada?=O
kkkkkkkkkkkkkkk

Asenath disse...

Nããããããooo,vc é DANIELLLLAA...a irritada, gente eu juro que tento,mas não aguento!!rsrsrsrs...

Asenath disse...

Como que um trequinho desses pode ser desalmada gente??kkkk....
Um dia agente coloca um escafandro nela, nem que seja p ela ver o pobre direito né??rsrsrsrs...

Rα i sα ~ disse...

Algo perto disso... hauahuahauahua
Você só é prática, Dan, e até casa. Mas não agora :D

Anônimo disse...

Eu te garanto que teremos dificuldades,
Eu te garanto que um dia um de nós, ou os dois vai querer pular fora,
Mas eu te garanto que se eu não te pedir pra ser minha, eu vou me arrepender pelo resto da minha vida
Pois em meu coração você é única pra mim
A unica que poderá mudar
Com a força do amor
Todas as diferenças que existem
Neste meu coração de pedra
Mas uma coisa de juro
Nada passará em vão
Pois mesmo com o seu coração nas mão
Serás meu anjo, e pra sempre
Te guardarei em meu coração

Poema tirado do filme Noiva em Fuga

Rα i sα ~ disse...

Oxe.

Dan Souza disse...

[02]

Dii Bijou disse...

- Ow amigah.. concordo com sua mãe, pra todo mundo chega a hora de trocar os tênis e calçar o sapatinho de cristal!! rsrs

Te amo muito!!!

Dan Souza disse...

Só não precisa ser agora, né Dii???
Quem sabe daqui há uns 5, 6 ou 7 anos? Afinal, ainda preciso dar continuidade a especie... nd a ver com amor!!!!rsrs

Te amo!!!

Rα i sα ~ disse...

Só tem a ver com dar uma amiguinha pra Lis, só isso.

Asenath disse...

Volta o rolo...quem é esse anônimo????....
Ai jesus...Chorei!!!!!!rsrsrs...juro!!!!!
Que liiiiiiiiiindooooo!!!!!
Tá veeenddooo???

Izabelle disse...

Quero saber também quem esse anônimo!!! Mulher, abre os olhos...rss

Te amo!

Dan Souza disse...

Oh Bel, até eu quero saber quem é o anônimo!!!rsrs

Te amo!!!