23 de abr de 2010

( )

Me acostumei tanto a escrever sobre amores, paixões e sentimentos, que quando eu tento escrever sobre alguma coisa diferente não sai nada.
Queria contar das minhas trapalhadas, mas elas não tem mais graça; queria contar dos meus amigos, mas a gente tá sem histórias; queria até contar de amor, mas não tenho nenhum.
Mas não se preocupem, ao contrário do que parece, a minha vida não está triste, ela só está chata! Nada acontece, nada muda, é tudo igual.
Esses dias eu estava pensando em uma coisa que me desse um ânimo e cheguei a conclusão de que o que eu preciso é de um sentimento novo. Um sentimento que me tire dessa rotina, que me dê vontade de sair de casa, de ver as pessoas, que me dê um motivo pra sair da cama sem pedir que o dia acabe logo, que me devolva minha autoconfiança, que faça eu me sentir mais leve, que me dê vontade de sorrir de tudo e de nada. Quero uma coisa que me complete, ando me sentindo tão metade.

" Eu não quero tudo de uma vez, eu só tenho um simples desejo... "

Continuo esperando o realejo me trazer a sorte.

3 comentários:

Rα i sα ~ disse...

Quando Raisa fria sair desse corpo que não pertence a ela, Raisa melosinha vem aqui dizer o quanto é bom um sentimento que nos preencha, ta? Por hora posso dizer que o texto é lindo, irmãzinha, e se você quiser voltar a me amar... tô aqui :) hauahua

Te Amo!

Dan Souza disse...

E quando foi que eu deixei de amar você???=O

Eu te amo!

MaryC. disse...

"Me acostumei tanto a escrever sobre amores, paixões.."

É justamente o contrário de mim, no meu blog eu já escrevi algumas coisas sobre amor e paixões, mas são coisas tão tristes, eu tento escrever sobre a felicidade de amar, mas ainda não consegui. De mim por enquanto só sai coisas não tão legais assim... =/ Deve ser porque primeiro eu preciso entender mais de mim, antes de entender do outro e dos sentimentos relacionados ao outro, pode até parecer egoísmo, mas não é.. Também estou adorando seu blog! ^^